EXPEDIENTE
Superpedido de Impeachment de Bolsonaro

Vander e ADUEMS assinam superpedido de impeachment de Bolsonaro

Fonte: Por Jones Mário do Midiamax

O deputado federal Vander Loubet (PT-MS) e a Aduems (Associação dos Docentes da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) assinam o “superpedido” de impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), apresentado ontem (30) à Câmara dos Deputados. O parlamentar e a entidade são os únicos de Mato Grosso do Sul a endossar o documento.

O pleito reúne argumentos apresentados em outros 121 pedidos anteriores e lista 23 acusações que, em tese, enquadram o presidente em crime de responsabilidade. Entre elas, cometer ato de hostilidade contra nação estrangeira; atentar contra o livre exercício dos Poderes Legislativo, Judiciário e poderes constitucionais dos Estados; cometer crime contra a segurança nacional, ao participar de manifestações por intervenção militar, reedição do AI-5 e fechamento do Congresso Nacional e do Supremo Tribunal Federal; e agravar a pandemia de covid-19 com práticas negacionistas e agressões ao direito à saúde.

O “superpedido” aglutinou desde partidos de oposição de esquerda até lideranças de centro e de direita, como o deputado federal Kim Kataguiri (DEM-SP). Ex-bolsonaristas como a deputada federal Joice Hasselman (PSL-SP) também se juntaram ao manifesto.

Ainda ontem, o presidente da Câmara Arthur Lira (PP-AL) descartou aceitar o pedido por falta de materialidade. Cabe a ele acatar o pleito para, então, o plenário decidir se abre ou não o processo.

COMPARTILHE AGORA MESMO!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no skype
COMENTE AGORA MESMO!