EXPEDIENTE
Eventuais "acontecimentos contingentes" podem mudar a situação, diz uma autoridade de Taiwan

Taiwan diz que chance de guerra com a China em 2022 é “muito baixa”

Fonte: Por Sarah Wu da Reuters

A probabilidade de uma guerra com a China no ano que vem é “muito baixa”, disse uma autoridade de segurança de alto escalão de Taiwan a parlamentares nesta quarta-feira em meio a tensões acentuadas entre Taipei e Pequim, que reivindica soberania sobre a ilha.

 

Taiwan insiste que se defenderá se for atacada, mas quer manter a situação atual com a China, ainda que se queixe de incursões repetidas da Força Aérea chinesa em sua zona de identificação de defesa aérea.

 

“Acho que dentro de um ano, a probabilidade de uma guerra é muito baixa”, disse o diretor-geral do Escritório Nacional de Segurança, Chen Ming-tong, em uma reunião de um comitê parlamentar de defesa.

“Mas há muitas coisas que ainda precisam de atenção, que são os acontecimentos contingentes.”

 

No início deste mês, a presidente taiwanesa, Tsai Ing-wen, disse que Taiwan não será forçada a se curvar à China, mas reiterou um desejo de paz e diálogo com Pequim.

 

Excetuando qualquer “acontecimento contingente”, disse Chen. Para ele, ao menos nos próximos dois ou três anos ou mais precisamente durante o mandato da presidente Tsai, “não haverá problema”, avalia.

 

Chen citou a pandemia de Covid-19 como exemplo de acontecimento inesperado que muda fundamentalmente a sociedade.

 

Também no início deste mês, a China realizou quatro dias consecutivos de incursões aéreas na zona de identificação de defesa aérea de Taiwan.

COMPARTILHE AGORA MESMO!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no skype
COMENTE AGORA MESMO!