Sindiporã participará dos debates do PCCR

A prefeitura de Ponta Porã abre canal de diálogo com todas as categorias do funcionalismo público municipal acerca da implantação do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR) no Poder Executivo. Uma das primeiras reuniões ocorreu com dirigentes do Simted (Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação), presidente Edvaldo Vieira e Luciana Mattos com a secretária de Administração, Dulce Manosso e o presidente da Comissão de Debates do Plano, Rodrigo Sette. Posteriormente, o Sindiporã (Sindicato dos Servidores Público Municipal de Ponta Porã) também está participando, inclusive já tendo garantido participação na comissão formada para debater o PCCR. Semanalmente ocorrerão reuniões da comissão com setores da administração municipal. No início da semana, ocorreu a abertura oficial dos trabalhos iniciando o processo para implantação do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR) em todo o funcionalismo público municipal no Poder Executivo. Foi a primeira reunião de trabalho para formalizar a comissão que passa a debater internamente a elaboração do Plano, uma das mais antigas aspirações dos servidores públicos. A secretária de Administração, Dulce Manosso e o presidente da comissão, Rodrigo Sette mantiveram encontro com o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, Antonio Marques. A partir de agora, as reuniões serão periódicas visando esgotar todos os itens que integrarão o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração, em todos os detalhes. Sob a coordenação da secretária de Administração, Dulce Manosso, representantes das secretarias iniciaram os trabalhos formalmente, primeiramente com a formação da comissão responsável pelos estudos. O prazo final para implantação efetiva do PCCR é maio de 2019. “Até lá, teremos que entregar o plano de cargos, carreira e remuneração”, reiterou Dulce Manosso. A comissão será presidida pelo Controlador Interno do Poder Executivo, Rodrigo Sette e contará com integrantes de todas as secretarias municipais. A política de recursos humanos do Poder Executivo do Município de Ponta Porã terá como finalidade a valorização do servidor, a criação de condições favoráveis à inovação, ao aprimoramento profissional e à manutenção do nível técnico e gerencial, o oferecimento de remuneração digna e compatível e o dimensionamento da força de trabalho, visando à eficiência, continuidade e qualidade da prestação dos serviços públicos. Dentre os pontos abordados na primeira reunião de trabalho, está a que especifica a participação de representantes de todas as secretarias no processo de debate. Na gestão passada, não houve abertura para a participação direta dos servidores, o que acarretou um ´engessamento´ do plano elaborado à época. A secretária de Administração, Dulce Manosso disse que uma das orientações do prefeito Hélio Peluffo é justamente garantir a efetiva e direta participação de servidores de todas as secretarias. Na área de Educação, haverá estudos no sentido de reformar o atual Plano de Cargos, Carreira e Remuneração, mas a secretária Dulce Manosso explicou que cada pasta especificamente debaterá internamente todos os detalhes e apresentará relatório final, adaptando ao PCCR que entrará em vigor em maio de 2019.

A prefeitura de Ponta Porã abre canal de diálogo com todas as categorias do funcionalismo público municipal acerca da implantação do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR) no Poder Executivo. Uma das primeiras reuniões ocorreu com dirigentes do Simted (Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação), presidente Edvaldo Vieira e Luciana Mattos com a secretária de Administração, Dulce Manosso e o presidente da Comissão de Debates do Plano, Rodrigo Sette. Posteriormente, o Sindiporã (Sindicato dos Servidores Público Municipal de Ponta Porã) também está participando, inclusive já tendo garantido participação na comissão formada para debater o PCCR.

Semanalmente ocorrerão reuniões da comissão com setores da administração municipal. No início da semana, ocorreu a abertura oficial dos trabalhos iniciando o processo para implantação do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR) em todo o funcionalismo público municipal no Poder Executivo. Foi a primeira reunião de trabalho para formalizar a comissão que passa a debater internamente a elaboração do Plano, uma das mais antigas aspirações dos servidores públicos.

A secretária de Administração, Dulce Manosso e o presidente da comissão, Rodrigo Sette mantiveram encontro com o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, Antonio Marques. A partir de agora, as reuniões serão periódicas visando esgotar todos os itens que integrarão o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração, em todos os detalhes. Sob a coordenação da secretária de Administração, Dulce Manosso, representantes das secretarias iniciaram os trabalhos formalmente, primeiramente com a formação da comissão responsável pelos estudos.

O prazo final para implantação efetiva do PCCR é maio de 2019. “Até lá, teremos que entregar o plano de cargos, carreira e remuneração”, reiterou Dulce Manosso. A comissão será presidida pelo Controlador Interno do Poder Executivo, Rodrigo Sette e contará com integrantes de todas as secretarias municipais.

A política de recursos humanos do Poder Executivo do Município de Ponta Porã terá como finalidade a valorização do servidor, a criação de condições favoráveis à inovação, ao aprimoramento profissional e à manutenção do nível técnico e gerencial, o oferecimento de remuneração digna e compatível e o dimensionamento da força de trabalho, visando à eficiência, continuidade e qualidade da prestação dos serviços públicos.

Dentre os pontos abordados na primeira reunião de trabalho, está a que especifica a participação de representantes de todas as secretarias no processo de debate. Na gestão passada, não houve abertura para a participação direta dos servidores, o que acarretou um ´engessamento´ do plano elaborado à época. A secretária de Administração, Dulce Manosso disse que uma das orientações do prefeito Hélio Peluffo é justamente garantir a efetiva e direta participação de servidores de todas as secretarias.

Na área de Educação, haverá estudos no sentido de reformar o atual Plano de Cargos, Carreira e Remuneração, mas a secretária Dulce Manosso explicou que cada pasta especificamente debaterá internamente todos os detalhes e apresentará relatório final, adaptando ao PCCR que entrará em vigor em maio de 2019.

Facebook: Comente Aqui