EXPEDIENTE
Equipe alvirrubra venceu o primeiro jogo por 2 a 1 e podia perder por até um gol de diferença neste sábado. Paulinho marca para o Sergipe e Ronald garante o empate para o Carcará

Sergipe empata com o Falcon e é campeão sergipano de 2022

Fonte: GE
  • 37º título

    O Sergipe é campeão sergipano de 2022. O time do técnico Daniel Neri controlou a vantagem conquistada no jogo de ida, empatou em 1 a 1 com o Falcon neste sábado e garantiu mais uma taça para os seus torcedores.

     

    Os gols foram marcados no segundo tempo. Paulinho abriu o placar para a equipe alvirrubra e Ronald empatou no último lance da partida.

    Gols: Sergipe 1 x 1 Falcon, final do Campeonato Sergipano

    Gols: Sergipe 1 x 1 Falcon, final do Campeonato Sergipano

  • Sequência vencedora

    O bicampeonato consecutivo não acontecia há 30 anos, na série que levou à equipe alvirrubra ao hexacampeonato. Agora, Sergipe celebra a dobradinha 2021 e 2022.

    Sergipe comemora 37º título estadual

    Sergipe comemora 37º título estadual

  • Mister na história

    Anunciado no decorrer do Campeonato Sergipano e campeão neste sábado, Daniel Neri é o segundo técnico estrangeiro a treinar o Sergipe em uma conquista de trófeu.

     

    Além dele, o ex-técnico Juan Celly, falecido em 2015, comandou o Sergipe na conquista do estadual de 1964, 1982 e 1984.

  • Com a torcida!

    Após ser campeão em 2021 durante um período mais difícil da pandemia do novo coronavírus, o Sergipe voltou a comemorar um título ao lado do torcedor.

  • Primeiro tempo

    Precisando do resultado, o Falcon se atirou mais ao ataque. O Sergipe, por sua vez, ficou bem postado na marcação e buscava os contra-ataques.

     

    Na melhor chance do primeiro tempo, Neto aproveitou saída errada de Kennedy e finalizou com perigo.

     

    No mais, o Carcará tinha dificuldade de ganhar da marcação alvirrubra, enquanto o Sergipe não conseguia aproveitar as recuperações de bola.

  • Segundo tempo

    Após a volta do intervalo foi o Sergipe que assustou primeiro.

     

    Aos oito minutos, Kaio Wilker recebeu na entrada da área e chutou de chapa para uma defesa de Caio Borges. Pouco depois, bola sobrou para Neto dentro da área, mas atacante acabou finalizando travado.

     

    Com o tempo passando, o Carcará se lançava ainda mais ao ataque já que precisando marcar gols para ser campeão. Aos 25, Léo Rocha arriscou do meio da rua e finalizou com força, parando na defesa de Kennedy.

     

    E quando a partida se encaminhava para terminar sem gols, o Sergipe abriu o placar. Davi cortou mal um cruzamento e bola sobrou para Paulinho chutar alto para abrir o placar.

     

    O Falcon subiu ainda mais as suas linhas, mas sem muita organização. Até que nos minutos finais teve uma falta na entrada da área. Ronald bateu rasteiro e Kennedy aceitou. Porém, o 1 a 1 não impediu a festa do Sergipe, que chegou ao 37º título estadual.

  • Público e renda
    • Público pagante: 7.435
    • Não-pagante: 617
    • Público total: 8.052
    • Renda Bruta: R$ 158.150
COMPARTILHE AGORA MESMO!
COMENTE AGORA MESMO!