EXPEDIENTE
Marcos Leonardo e Zanocelo marcaram os gols decisivos da partida, que terminou 3 a 0

Santos bate o América-MG com autoridade na Vila e assume a liderança do Brasileirão

Fonte: Terra

O Santos segue invicto no Campeonato Brasileiro de 2022. Neste domingo, o Peixe derrotou, com autoridade, o América-MG por 3 a 0, na Vila Belmiro, pela terceira rodada do torneio. Marcos Leonardo e Zanocelo (duas vezes) anotaram os gols decisivos da partida.

 

Com o resultado, o Alvinegro Praiano pulou para a liderança da competição, com os mesmos sete pontos do Atlético-MG. Os paulistas levam vantagem apenas no saldo de gols. O Coelho, por sua vez, está em 12º, com três.

O Santos volta a campo agora na próxima quinta-feira, às 21h30 (de Brasília), quando visita o Unión La Calera, do Chile, pela terceira rodada da fase de grupos da Sul-Americana.

 

Já o América-MG recebe o Tolima, na quarta-feira, às 21 horas, pela Libertadores.

 

O jogo – O primeiro tempo começou morno na Vila Belmiro, Atuando com o apoio de seus torcedores, o Peixe até tentou pressionar no começo do jogo, mas teve dificuldades para se desvincular da boa marcação dos rivais.

 

Do outro lado, no entanto, o Coelho também tinha problemas para chegar com perigo.

Dessa forma, a primeira chance real de gol saiu apenas aos 15 minutos.

 

Ângelo foi acionado no meio de campo e deu grande passe para Marcos Leonardo, que dominou, invadiu a área e bateu cruzado. A bola passou raspando a trave e se perdeu pela linha de fundo.

 

Aos 18, Léo Baptistão ficou livre na intermediária e arriscou de longe, obrigando Jailson a trabalhar pela primeira vez. Cinco minutos depois, saiu a resposta dos visitantes.

 

Everaldo recebeu ótimo lançamento de Paulinho, entrou na área, cortou a marcação e bateu firme. No meio do caminho, porém, Bauermann se atirou na bola e evitou o tento.

 

E o gol perdido acabou custando caro para os mineiros. Isso porque, no lance seguinte, o Alvinegro Praiano abriu o placar.

 

Ângelo dominou na direita e cruzou com precisão para Marcos Leonardo, que subiu entre os zagueiros para testar no cantinho e sair para o abraço.

 

Aos 34, quase saiu mais um. Após cobrança de falta, a bola sobrou na medida para Marcos Leonardo. O atacante, então, finalizou em cima do zagueiro.

 

No rebote, o camisa 9 tentou mais uma vez, mas viu Jailson realizar um milagre. Na sequência, o goleiro defendeu mais uma, dessa vez em arremate de fora de Ângelo.

 

Nos minutos finais, o América tentou pressionar em busca do empate.

 

Com 43 minutos, Paulinho Boia cobrou falta da entrada da área e mandou por cima. Já aos 47, o atacante finalizou com perigo pela direita.

 

Na volta do intervalo, os visitantes tentaram partir para cima. Contudo, quem acabou balançando as redes mais uma vez foi o Santos.

 

Com o relógio marcando seis minutos, Ângelo costurou pela direita e mandou para o meio da área. Léo Baptistão tentou finalizar e a bola acabou sobrando para Zanocelo, que só teve o trabalho de empurrar para o fundo do gol.

 

Em desvantagem, o Coelho intensificou a sua pressão. Aos 20, Felipe Azevedo recebeu dentro da área e soltou o pé. Atento, João Paulo realizou ótima defesa.

 

Nos minutos seguintes, o time seguiu rondando a área e realizando diversos cruzamentos. Bem posicionada, a zaga alvinegra conseguiu afastar praticamente todas as bolas.

 

Enquanto isso, o Santos buscava responder nos contra-ataques. E foi exatamente assim que nasceu o escanteio do terceiro gol.

 

Após cobrança de Marcos Guilherme, Maicon dividiu no alto com o zagueiro adversário e deixou na medida para Zanocelo, que estufou as redes.

 

Instantes depois, o América-MG até chegou a descontar, com Matheusinho, mas o árbitro anulou o gol devido a um impedimento na origem da jogada. Já nos minutos finais, o Santos apenas controlou o resultado.

FICHA TÉCNICA

SANTOS 3 X 0 AMÉRICA-MG
Local:
Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 24 de abril de 2022, domingo
Horário: 16h00 (de Brasília)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO)
Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Bruno Raphael Pires (Fifa-GO)
VAR: Rafael Traci (SC)
Cartões amarelos: Rodrigo Fernández e Marcos Leonardo (Santos)
GOLS: Marcos Leonardo, aos 27 do 1ºT, Zanocelo, aos 6 e aos 33 do 2ºT (Santos)
SANTOS: João Paulo; Madson, Maicon, Bauermann e Lucas Pires; Zanocelo (Maranhão) e Rodrigo Fernández ; Ângelo (Marcos Guilherme), Marcos Leonardo (Angulo), Baptistão (Goulart) e Julio (Lucas Braga)
Técnico: Fabián Bustos
AMÉRICA-MG: Jailson; Patric, Conti, Éder e João Paulo; Zé Ricardo, Juninho e Alê; Everaldo (Matheusinho), Paulinho Bóia (Carlos Alberto) e Felipe Azevedo (I. Ramirez)
Técnico: Vagner Mancini

COMPARTILHE AGORA MESMO!
COMENTE AGORA MESMO!