EXPEDIENTE
Agenda no Bolsão

Rose Modesto cumpre agenda política lotada em Três Lagoas e municípios do Bolsão

Fonte: Por Elias Luz do Diário de Três Lagoas

A deputada federal Rose Modesto (PSDB) esteve em Três Lagoas nesta sexta-feira, 2, participando de diversas reuniões políticas.

Ela conversou com o prefeito Ângelo Guerreiro (PSDB), com a secretária municipal de Educação, Ângela Brito, com os vereadores Issam Fares Junior (Podemos), Negu Breno (PDT), Daves Martinelli (DEM), Jorginho do Gás (PSDB), Sirlene Pereira (PSDB) e Marcus Basé (DEM), além de lideranças políticas de Três Lagoas, Aparecida do Taboado, Selvíria e Paranaíba.

Na pauta, a avaliação do mandato, sugestões de novos pleitos para o município e um diálogo aberto sobre as eleições do próximo ano.

Quando perguntada sobre o que vai disputar nas eleições de 2022, a deputada federal Rose Modesto foi direta e deixou claro que, no momento, o maior objetivo é a busca pela renovação do mandato por mais quatro anos.

Bem cotada para a disputa de outras lutas políticas, como o governo do Estado e até mesmo o Senado da República, Rose Modesto disse apenas que a política é muito dinâmica e tudo pode acontecer, a depender, principalmente, da vontade dos eleitores.

A deputada federal disse, ainda, que alocou recursos na ordem de R$ 500 mil para a área da saúde em Três Lagoas.

Ela reconheceu que o Mato Grosso do Sul está indo bem na vacinação e que os próximos pleitos a serem atendidos são voltados para a área de educação, principalmente na obtenção de computadores para as escolas, além de reformas em algumas unidades de ensino.

Ele revelou que está trabalhando para a criação de uma associação especializada em atendimento ao autismo, junto com mães de crianças, além de estar voltada à criação mais específica de uma legislação para quem trabalha com aplicativos.

Para ela, outubro é sempre um momento no qual é necessário direcionar recursos das emendas parlamentares.

Rose Modesto agradeceu, também, à população dos municípios da região do Bolsão, que deu 20 mil assinaturas para da lei do feminicídio, com penas mais duras contra este crime bárbaro.

“Fiquei dois anos trabalhando numa legislação eficaz e, esse ano, foi aprovado o aumento da pena, incluindo o cumprimento dela em regime fechado – uma vitória não apenas para as mulheres, mas para toda a população brasileira”, frisou Rose Modesto.

Após Três Lagoas, ela viajou para o município de Costa Rica, dando sequência a diversos encontros políticos.

Rose Modesto é educadora, foi vereadora em Campo Grande, secretária estadual de Direitos Humanos e Assistência Social, vice-governadora e agora exerce o primeiro mandato de deputada federal.

A vitória na eleição de 2017 a credenciou como nova liderança do Estado. Hoje, ela aparece bem em todas as pesquisas de opinião sobre as próximas eleições.

“Se fosse para seguir rigorosamente o que as pesquisas dizem, eu seria candidata a governadora, mas a política é dinâmica terei que tomar essa decisão até abril do ano que vem”, disse ela.

A deputada federal não descartou a possibilidade de sair do PSDB, tendo em vista que o eleitor está buscando votar em candidatos com compromisso verdadeiro com a população, e não apenas em siglas partidárias.

No entanto, todos esses fatos ainda são apenas possibilidades e não há nada definido.

“Essas decisões serão tomadas em conjunto com a base de apoio e sustentação do meu mandato, que não é só meu – é de todos que confiam e votam em mim”, acrescentou.

Fã da boa arte em seus diversos segmentos – como música, literatura, dramaturgia e pintura – Rose Modesto mandou um recado para a classe artística ao afirmar que, quando a pandemia passar, todos vão recuperar o tempo de isolamento que a pandemia da Covid-19 impôs.

“Participei de várias reuniões com a classe artística e estou junto deles. Os artistas precisam de remuneração”, complementou Rose Modesto.

COMPARTILHE AGORA MESMO!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no skype
COMENTE AGORA MESMO!