EXPEDIENTE
Pesquisa foi realizada no dia 25 de outubro em seis supermercados de Ponta Porã

Procon divulga pesquisa de itens da Cesta Básica

Fonte: Assessoria de Comunicação

O Procon de Ponta Porã realizou uma pesquisa sobre itens de produtos da Cesta Básica. A pesquisa foi realizada no último dia 27 de outubro em seis supermercados do município. De acordo com o Procon, a pesquisa tem como objetivo oferecer uma referência ao consumidor por meio de preços obtidos através das aferições do Procon. Os valores dos produtos pesquisados variam também de acordo com a qualidade dos itens que compõem a cesta básica.

Os produtos apresentaram algumas variações que pedem atenção do consumidor para economizar nas compras mensais para sua residência. O pacote de arroz de cinco quilos, foi encontrado pelo maior preço, no valor de R$ 19,99 e o menor valor foi de R$ 19,38. O produto registrou variação de 3,15% nos estabelecimentos pesquisados. 

Já o quilo do feijão carioquinha, teve o menor preço pesquisado no valor R$ 6,29 e o maior valor do mesmo produto foi encontrado a R$ 7,49. O feijão carioquinha registrou variação de 19,08%. O açúcar cristal, pacote de cinco quilos, teve o maior valor encontrado nos estabelecimentos pesquisados, em R$ 19,79 e o menor preço de R$ 17,99. Variação de 10,01%

O café em pó, o pacote de 500g teve o maior valor encontrado em R$ 11,98 e o menor valor encontrado do tradicional café, foi de R$ 8,98. O valor do café variou em 33,41%. O quilo da farinha de trigo teve o maior valor registrado em R$ 3,48 e o menor valor a R$ 3,15. Variação de 10,48%.

O maior valor do óleo de soja 900 ml foi encontrado a R$ 7,59 e o menor valor em R$ 7,39. Apresentando variação de preço de 2,71% A dúzia de ovos brancos, foi encontrado pelo maior preço em R$ 8,79 e o menor valor em R$ 6,99. O produto variou em 25,75 de um estabelecimento para o outro. 

A coordenadora do Procon de Ponta Porã, Cláudia Bonato Vieira, informou que as pesquisas serão sempre realizadas no comércio do município. “O Procon de Ponta Porã está sempre a disposição do consumidor e quem precisar pode entrar em contato através dos telefones 3431-5866, 3432-1775 e 3431-9090. Nosso objetivo é orientar os consumidores e também sempre priorizar seus direitos”, declarou Claudia Bonato.

COMPARTILHE AGORA MESMO!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no skype
COMENTE AGORA MESMO!