EXPEDIENTE
Por outro lado, vovô segue cada vez mais perto da Série B

Palmeiras vence o Ceará e segue sonhando com o título do Brasileirão

Fonte: Gazeta Esportiva

Nesta quarta-feira, o Palmeiras derrotou o Ceará por 2 a 1, no Castelão, em jogo atrasado e válido pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com um golaço de falta de Zé Rafael e um tento de Deyverson, o Verdão conquistou os três pontos e ultrapassou o Fortaleza, chegando à terceira colocação. No fim da partida, Cléber diminuiu o placar.

O Palmeiras não vencia o Ceará como visitante desde 1997. Antes do jogo desta quarta, foram seis empates e três triunfos do Vozão neste recorte. Assim, o Alviverde derrubou um tabu que já durava 24 anos.

O Ceará foi superior na primeira etapa. O time mandante criou três boas situações para sair na frente, com Weverton fazendo duas boas defesas. Apesar disso, quem abriu o placar foi o Verdão, em bela cobrança de falta de Zé Rafael.

Tendo o contra-ataque à disposição no segundo tempo, o Palmeiras cresceu no jogo, controlando o Ceará e levando perigo nas transições. O segundo gol  teve dedo de Abel Ferreira, já que Gustavo Scarpa, que deu a assistência, e Deyverson, que marcou, tinham saído do banco há pouco tempo. Aos 43, Cléber diminuiu para o Ceará.

Com o resultado, o Palmeiras foi aos 46 pontos, na terceira posição, com a mesma pontuação do Flamengo, que tem três jogos a menos. Na próxima rodada, o time terá pela frente o Sport, na segunda-feira da semana que vem, às 21h30, no Allianz Parque. Enquanto isso, o Ceará estacionou nos 31 pontos, na 14ª colocação. A equipe volta a campo no próximo sábado, contra o Juventude, fora de casa, às 17h.

O jogo – O Ceará imprimiu um ritmo forte no início e chegou com perigo pela primeira vez. Lima recebeu pela esquerda e cruzou para Fernando Sobral, na segunda trave. O meio-campista bateu no ar, acertando a rede pelo lado de fora. A primeira finalização do Verdão saiu apenas aos 22 minutos, porém Felipe Melo mandou muito acima do travessão.

Em cobrança de falta ensaiada, Kelvyn tocou para Lima, que ajeitou para Erick. O atacante bateu no canto direito, e Weverton caiu para fazer a defesa. Na sequência, Fernando Sobral foi acionado pela direita, passou por Felipe Melo e encontrou Vina na entrada da área. O meia bateu forte e parou em nova intervenção do goleiro do Palmeiras.

No último lance do primeiro tempo, Luiz Otávio cometeu falta na entrada da área. Na cobrança, Zé Rafael bateu com muita precisão, sem força, impossibilitando a defesa de Richard e colocando o Verdão na frente.

Segundo tempo

No início da etapa final, Luiz Adriano chegou a balançar as redes, porém Rony estava impedido na origem do lance. Na sequência, Weverton fez uma bela defesa em cabeceio de Gabriel Lacerda, porém o bandeira assinalou posição irregular do zagueiro.

Aos 26 minutos, Dudu lançou Gustavo Scarpa pela esquerda, e o meia cruzou rasteiro para Deyverson, que chegou batendo e marcou o segundo gol do time. O tento teve dedo de Abel Ferreira, que havia recentemente colocado o meia e o centroavante em campo.

O Ceará respondeu com Lima, que cabeceou após cruzamento na segunda trave e viu Weverton fazer nova defesa. Em contra-ataque, Scarpa acionou Breno Lopes, que invadiu a área, finalizou e só não marcou o terceiro porque Richard cresceu em sua frente. Poucos minutos depois, o goleiro do Vozão voltou a levar a melhor no duelo com o atacante do Verdão.

Aos 43 minutos, Cléber recebeu passe de Jorginho, girou e finalizou. A bola passou por baixo de Weverton e entrou. Na sequência, Scarpa enfiou grande bola para Breno Lopes, que invadiu a área e chutou para marcar. No entanto, o atacante estava impedido.

FICHA TÉCNICA
CEARÁ 1 X 2 PALMEIRAS

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Data: 20 de outubro de 2021, quarta-feira
Horário: 19h (de Brasília)
Árbitro: Andre Luiz de Freitas Castro (GO)
Assistentes:  Cristhian Passos Sorence e Hugo Savio Xavier Correa (ambos de GO)
VAR:  Heber Roberto Lopes (SC)
Cartões amarelos: Igor, Vina (Ceará); Zé Rafael, Weverton (Palmeiras)

GOLS:
Palmeiras: Zé Rafael (47 minutos do 1º tempo) e Deyverson (26 minutos do 2º tempo)
Ceará: Cléber (43 minutos do 2º tempo)

CEARÁ: Richard; Igor, Luiz Otávio, Gabriel Lacerda, Kelvyn; Marlon (Cléber), Fernando Sobral (Fabinho), Vina (Jorginho), Lima (Mendoza); Erick e Gabriel Santos (Jael).
Técnico: Tiago Nunes

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez, Piquerez; Felipe Melo, Zé Rafael (Danilo Barbosa), Raphael Veiga (Gustavo Scarpa), Dudu (Gabriel Veron); Rony (Breno Lopes) e Luiz Adriano (Deyverson).
Técnico: Abel Ferreira

COMPARTILHE AGORA MESMO!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no skype
COMENTE AGORA MESMO!