CONTATO
WHATS
EMAIL
SUGESTÃO
ANÚNCIE
EXPEDIENTE

50º Brasileirão

Palmeiras perde a terceira seguida e vê Luxemburgo ameaçado no cargo

COMPARTILHE AGORA MESMO!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on skype

Fonte: Por R7

Em seu pior momento na temporada, o Palmeiras pegou o Coritiba nesta quarta-feira (14), no Allianz Parque, e viu a crise só aumentar. O time do pra lá de ameaçado técnico Vanderlei Luxemburgo perdeu por 3 a 1, na abertura da 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. A diretoria ainda não se posicionou sobre uma possível queda do treinador.

O Verdão terminou a partida com 22 pontos, na sétima posição. Do outro lado, o Coxa, que vinha de quatro partidas sem vitória, alcançou os 16 pontos, na 15ª colocação, fora da zona de rebaixamento momentaneamente.

O time de Luxemburgo vinha de duas derrotas na competição, contra Botafogo e São Paulo, e sabia que precisava reagir. Apesar do recente título do Paulistão, da primeira colocação na Libertadores, o clima no estádio era tenso mesmo sem a presença da torcida por conta da pandemia do novo coronavírus. Em determinados momentos, o time se apresentou ainda mais desmotivado que antes e poderia ter levado inclusive mais gols.

Como se não bastasse a apatia dos jogadores do Verdão, Robson, aos 7 e aos 23 minutos, fez logo dois gols para a bem entrosada equipe do treinador Jorginho. Antes mesmo do gol de empate, com Gabriel Veron, aos 37 minutos do primeiro tempo, Luxemburgo mexeu no time e viu pouco resultado efetivo. A equipe seguiu de maneira desorganizada em campo.

Na etapa final, o Coritiba recuou a marcação e apostou nos contra-ataques. Por outro lado, deu campo para o time da casa impor seu melhor futebol tecnicamente. Mas quando parecia crescer, veio o terceiro gol do Coxa, aos 19 minutos, com Giovanni Augusto. Sem vontade, o Palmeiras esperou o tempo passar. O Coritiba estava pra lá de satisfeito com o resultado.

Já pela 17ª rodada, a duas do fim do primeiro turno, o Palmeiras enfrenta o Fortaleza, no Castelão (CE), no domingo. Um dia antes, o Coritiba enfrenta o Santos, no Couto Pereira (PR).

PALMEIRAS 1 x 3 CORITIBA
Local: Allianz Parque, São Paulo (SP)
Data/Hora: 14 de outubro de 2020, às 18h (de Brasília)
Árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)
Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva (GO) e Bruno Raphael Pires (GO)
VAR: Caio Max Augusto Vieira (RN)
Cartões amarelos: Felipe Melo e Gabriel Veron (Palmeiras); Yan Sasse e Sabino (Coritiba)
Gols: Palmeiras: Gabriel Veron (37’1ºT) Coritiba: Robson (07’1ºT), (24’1°T) e Giovanni Augusto (20’2ºT)

PALMEIRAS: Weverton, Marcos Rocha (Rony, Intervalo), Felipe Melo, Renan e Lucas Esteves (Willian, aos 32’1ºT); Patrick de Paula (Danilo, Intervalo), Gabriel Menino, Gustavo Scarpa e Zé Rafael (Ramires, aos 32’1ºT); Gabriel Veron e Luiz Adriano (Raphael Veiga, aos 35’2ºT). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

CORITIBA: Wilson; Natanael, Henrique Vermudt (Ramón Martínez, aos 24’2ºT), Sabino e William Matheus, Hugo Moura, Matheus Galdezani (Matheus Bueno, aos 17’2ºT), Yan Sasse (Gabriel, Intervalo) e Giovanni Augusto; Robson (Mattheus, aos 35′,2ºT) e Rodrigo Muniz (Neilton, aos 17’2ºT).

COMPARTILHE AGORA MESMO!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on skype