CONTATO
EXPEDIENTE
Obras Públicas

Município inicia obras de drenagem em bairros afetados por tempestade em Corumbá

COMPARTILHE AGORA MESMO!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no skype
Fonte: Por Mariana Chianezi, do Midiamax

Após a tempestade que atingiu a cidade de Corumbá, a 440 km da Capital, e alagou bairros deixando 220 famílias desalojadas, a Prefeitura Municipal iniciou obras de drenagem nas regiões mais atingidas. Previsto para chover 145mm o mês de janeiro todo, somente em 24h a cidade registrou acumulado de 187mm.

Na região dos bairros Cristo Redentor e Cravo Vermelho, as equipes de obra constroem corredor de macrodrenagem na cidade. “Toda a água que cai naquela parte da Nova Corumbá e Guatós, só tem um caminho para descer para o rio. É por aqui, atravessando o Cravo e o Cristo; passando ali pelo Cravo 1, no antigo lixão e atravessando o Anel Viário, esse é o caminho”, explicou o secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico e Sustentável, Cássio Augusto da Costa Marques.

Ele destacou que as obras executadas no bairro Cristo Redentor vão melhorar a situação da drenagem. O secretário ainda explicou que para implantação de drenagem leva-se em consideração a média histórica de chuvas de cada cidade.

“Temos uma obra acontecendo nessa região. Nestas obras nunca são calculadas para um volume de água tamanho. Para termos uma ideia, a última ocorrência aqui desse porte foi na primeira metade dos anos 2000, quando, inclusive, foi feita a intervenção para dar vazão à água. Depois disso, foi construído o sistema de drenagem, baseado numa estatística de chuvas de recorrência de vinte anos, esse é o projeto”, detalhou Cássio.

A Prefeitura executa na rua Minas Gerais, com 15 de Novembro, serviços de macrodrenagem. O projeto faz parte da implantação do Parque Linear das Jaguatiricas, obra financiada pelo Fonplata e começada em 2020.

“É um serviço complexo, demorado, que envolve explosão de rochas, rebaixamento de minadouros e outros serviços complementares. São obras muito grandes, mas que resolvem a situação, como já foi feito no bairro Aeroporto, na região do conjunto Tiradentes, e no bairro Padre Ernesto Sassida”, afirmou o prefeito Marcelo Iunes, que esteve no local na quarta-feira. Lá a Prefeitura montou na escola José de Souza Damy, um posto de atendimento às famílias atingidas pelas chuvas.

COMPARTILHE AGORA MESMO!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no skype
LEIA TAMBÉM!!!