MDB tem novo nome de Ponta Porã para disputa a vaga da Câmara Federal.

O MDB de Ponta Porã deve alterar o nome do seu pré-candidato a deputado federal por Mato Grosso do Sul. Até esta semana, o nome mais cotado para a disputa era o do vereador Daniel Marques, mas o vereador sofreu uma lesão no joelho e terá passar por uma operação, o que inviabiliza a possibilidade do mesmo dedicar todas suas energias à campanha eleitoral que deve iniciar-se no próximo mês.

Brunoí Reichardt, atualmente presidente  municipal da sigla é o novo pré-candidato MDBista da fronteira para a disputa. Brunoí é filho do ex-prefeito de Ponta Porã, Bruno Reichardt, foi vereador de 2013 a 2016, recentemente assumiu uma vaga interinamente na Câmara Municipal de Ponta Porã e protagonizou grandes polêmicas ao criticar a atual administração municipal principalmente os altos salários do primeiro escalação da prefeitura.

Atendendo a contato de nossa equipe, o vereador Daniel Marque justificou: “por conta de que eu trinquei o osso inferior do joelho, vou ter que operar, e a recuperação total leva mais de 03 meses o que inviabilizaria minha mobilidade para poder correr o trecho (durante o período de campanha eleitoral). Durante a semana conversamos com o Dr. André (Puccinelli) e  o coloquei ele a par desta situação, mas independente (disto), estarei na primeira fileira de batalha buscando eleger nosso governador. Nesta conjuntura o Brunoi será o candidato a federal do MDB aqui em Ponta Porã e vamos ajudar a elege-lo”.

Em apenas um mês atuando na Câmara de vereadores em Ponta Porã, Brunoí recebeu moção de agradecimento do Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação de Ponta Porã (SIMTED), pelo seu apoio a luta da classe durante a greve da Rede Municipal ocorrida em maio deste ano.

Por conta de seus discursos polêmicos, Brunoí também foi processado pelo atual prefeito de Ponta Porã Hélio Peluffo Filho (PSDB), por injuria. O novo pré-candidato do MDB conversou com nossa equipe e afirmou estar otimista com a possibilidade de Ponta Porã poder novamente ter representantes em Brasilia.

Além de Brunoí, apenas Cristal do PT, o comunicador Junior Pacher e a líder do Prefeito de Ponta Porã na Câmara Municipal, Professora Anny, devem concorrer as oito vagas disponíveis ao Estado de Mato Grosso do Sul a Câmara Federal.

 

Facebook: Comente Aqui