CONTATO
EXPEDIENTE
Em defesa da Educação

Hadadd rebate fala elitista de Guedes sobre o Fies: “Aos porteiros e seus filhos, vida longa e porta da universidade aberta”

COMPARTILHE AGORA MESMO!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no skype
Fonte: Por Ivan Longo da Revista Forum

fala elitista de Paulo Guedes, que reclamou do fato dos governos anteriores, através do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), terem dado bolsas em universidades “pra todo mundo”, gerou a reação dos ex-ministros da Educação, Fernando Haddad e Tarso Genro, e também do ex-presidente Lula.

O ministro da Economia disse, em reunião com membros do governo e sem saber que estava sendo gravado, que o filho do seu porteiro foi beneficiado pelo Fies mesmo após zerar o vestibular. De acordo com ele, até quem não tinha a “menor capacidade” e “não sabia ler nem escrever” entrou na graduação por esse caminho.

“O porteiro do meu prédio, uma vez, virou para mim e falou assim: ‘Seu Paulo, eu estou muito preocupado’. O que houve? ‘Meu filho passou na universidade privada’. Ué, mas está triste por quê? ‘Ele tirou zero na prova. Tirou zero em todas as provas e eu recebi um negócio dizendo: parabéns, seu filho tirou…’ Aí tinha um espaço para preencher, colocava ‘zero’. Seu filho tirou zero. E acaba de se endereçar a nossa escola, estamos muito felizes”, disparou Guedes.

Em resposta, Fernando Haddad, que comandou o Ministério da Educação entre 2005 e 2012, disse que o ministro de Bolsonaro quer que os filhos dos pobres sejam “condenados à ignorância”. “Saúde e educação para poucos, esse é o seu ideal de mundo. Aos porteiros e seus filhos: vida longa e a porta da universidade aberta”, escreveu o petista.

Já Tarso Genro, titular do MEC entre 2004 e 2005, diz que tem “honra” de, ao lado de Haddad e Lula, ser responsável “por este sacrilégio” apontado por Guedes.

Lula, por sua vez, compartilhou uma postagem do publicitário Ricardo Silvestre, filho de porteiro que acessou a universidade graças ao Fies. “Felizmente um dos filhos de porteiro e empregada doméstica sou eu, que pude estudar pela existência dos programas sociais do governo”, escreveu Silveira, ao que o ex-presidente afirmou: “Por mais jovens como Ricardo e menos homens como Paulos Guedes”.

A frase de Guedes sobre o Fies foi dita no mesmo encontro em que afirmou que o chinês “inventou” o novo coronavírus. Na mesma ocasião, ele criticou o aumento da expectativa de vida no Brasil.

COMPARTILHE AGORA MESMO!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no skype
LEIA TAMBÉM!!!