Farid Afif pede implantação de lousas digitais nas escolas municipais de Ponta Porã

O vereador Farid Afif solicitou à Prefeitura de Ponta Porã a realização de estudo para que seja criado um projeto de instalação de lousas digitais nas escolas da Rede Municipal de Ensino. Para isso, o parlamentar apresentou uma indicação, durante a sessão ordinária de terça-feira, 04 de setembro, na Câmara Municipal. O documento foi endereçado ao prefeito, Hélio Peluffo Filho, com cópia à secretária municipal de Educação, Professora Leny Klais.

Farid Afif considera a proposta um projeto inovador, já que está sendo desenvolvido em várias regiões do país e em algumas escolas aqui no Estado do Mato Grosso do Sul, como exemplo o município de Dourados. “Com a instalação de lousas digitais nas escolas da Rede Municipal de Ensino estaremos cada vez mais conectados às novas tecnologias, e este avanço é de suma importância para que os alunos tenham também mais interesse na aprendizagem. As lousas digitais fazem parte de uma evolução que está relacionada a todos, em especial aos alunos ou professores, a fim de acompanhar a crescente era tecnológica e assim contribuir com a educação”.

Outra preocupação do vereador Farid Afif é referente a saúde. “A composição do giz utilizado para escrever no quadro negro contém óxido de cálcio, uma substancia muito prejudicial para as vias respiratórias tanto dos alunos quanto dos professores”, explicou o parlamentar, que acrescentou, baseado em informações da Associação Brasileira de Alergia e Imunologia: “além de problemas respiratórios, como rinite, bronquite e asma, alguns professores também sofrem com problemas alérgicos na pele ocasionado pelo pó de giz”.

Água empoçada

Farid Afif também apresentou indicação pedindo à Prefeitura para que seja feito com urgência serviço de drenagem das águas das chuvas empoçadas em frente do Hemocentro e do CIS, localizados na Rua Sete de setembro.

De acordo com o parlamentar, a situação é preocupante. “Esta solicitação está sendo feita em nome dos moradores, pacientes, funcionários e dos doadores de sangue, que reclamam frequentemente que o local fica intransitável por causa das águas empoçadas, do mau cheiro e do transtorno que causa aos pacientes, que utilizam o CIS para realizar atendimentos. Os pacientes reclamam que em época de vacinação, as crianças correm sérios riscos, tendo que atravessar a enxurrada e às vezes os pais tem que estacionar os carros em cima do canteiro”, afirmou o parlamentar, na justificativa do pedido.

Esquina perigosa

O vereador ainda apresentou outra indicação solicitando à Prefeitura de Ponta Porã para que seja feito um estudo para a construção de uma rotatória ou semáforo no entroncamento das ruas Baltazar Saldanha com Heliodoro Alves Salgueiro.

Farid disse que os moradores da região e os condutores de veículos que trafegam diariamente pelo local estão reivindicando esta melhoria. “O tráfego de motos, carros, caminhões e ônibus escolares é grande, aumentando o risco de acidentes aos pedestres e aos próprios condutores. Portanto torna-se de vital importância que esta solicitação seja atendida o mais rápido possível”, argumentou o parlamentar.

Facebook: Comente Aqui