EXPEDIENTE
Pedro era advogado e presidente da Ordem dos Advogados do Paraguai e foi assassinado em seu escritório

Ex-juiz de Paz e advogado é executado a tiros na fronteira

Fonte: Por Vinicius Costa Do Top Midia News

Pedro David Galeano, de 36 anos, foi executado a tiros na manhã desta quarta-feira (17) no Paraguai. A vítima atuava como advogado e presidia a Ordem dos Advogados do país vizinho, que faz fronteira com Mato Grosso do Sul.

Segundo as informações, pelo menos duas pessoas desconhecidas invadiram o seu escritório, na região urbana de Coronel Oviedo, e dispararam várias vezes contra a vítima.

Além de atuar na presidência dos advogados, Pedro David também já foi juiz de Paz no distrito de Carayao.

O advogado já sofreu uma tentativa de homicídio há três anos, no dia 14 de julho de 2018, quando um brasileiro tentou surpreendê-lo, conforme o ABC Color. Naquela ocasião, apesar da tentativa, Pedro conseguiu se defender e matar o agressor.

No entanto, o segundo atentado acabou com sua vida.

Os dois suspeitos do crime fugiram em uma motocicleta, segundo a Polícia Nacional do Paraguai.

COMPARTILHE AGORA MESMO!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no skype
COMENTE AGORA MESMO!