EXPEDIENTE
Quatro pessoas morreram no atentado e outras duas ficaram feridas após ataque de pistoleiros

Duas brasileiras foram mortas junto com filha do governador de Amambay

Fonte: Rhannye Jamilly, Kaline Reinoso, Osmar Vicente e Haylle Carolina morreram no ataque - Crédito: Hedio Fazan/Dourados News

O ataque de pistoleiros deixaram pelo menos quatro pessoas mortas na cidade de Pedro Juan Caballero, cidade fronteiriça com Mato Grosso do Sul.

 

No atentado, duas brasileiras morreram e duas vítimas foram identificadas como paraguaia.

 

Veja quem são as vítimas fatais: Kaline Reinoso de Oliveira, douradense e estudante de Medicina, de 21 anos; Rhannye Jamily, de 18 anos, estudante de Medicina; Osmar Vicente Álvarez Grance; Haylee Carolina Acevedo Yunis, de 21 anos, filha do governador de Amambay.

 

Conforme as informações, Kaline estudava na UCP (Universidade Central do Paraguai), em Pedro Juan Caballero. Ela foi atingida por 14 disparos, segundo a polícia.

 

A estudante havia deixado uma festa na cidade vizinha.

 

Outras duas pessoas identificadas como Rafaelly Nascimento Alves, de 20 anos e Fredy Alfonso Ayala, de 24 anos, foram atingidos pelos disparos e socorridos, encaminhados para os hospitais da cidade, mas o estado de saúde não foi divulgado.

 

Conforme as informações da Polícia Nacional do Paraguai, mais de 100 disparos foram efetuados contra o carro em que estavam o grupo.

 

Ainda não há pistas do assassino.

 

De acordo com o Ponta Porã News, o corpo de Osmar Vicente, o Bebeto, era o principal alvo dos pistoleiros.

COMPARTILHE AGORA MESMO!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no skype
COMENTE AGORA MESMO!