Confusão: Desembargador reitera pedido de liberdade a Lula. Presidente do TRF-4 mantém prisão.

O desembargador plantonista do Tribunal Regional Federal (TRF-4) Rogério Favretto, insistiu em acolher pedido de habeas corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e, às 16h 4min, deste domingo expediu novamente a mesma decisão, com prazo de uma hora para ser cumprido.

Favreto insistiu em sua decisão, inicialmente divulgada por volta do meio-dia, mesmo depois de o relator da Lava Jato no TRF-4, João Pedro Gebran Neto, desautorizar a ordem para libertação do ex-presidente Lula.

A Policial Federal não cumpriu  a decisão no prazo devido e cerca de duas horas após o vencimento do novo prazo, o Presidente do TRF-4, Thompson Flores revogou a decisão do desembargador do TRF-4 e Lula deve continuar preso.

Lula é pré-candidato a presidência pelo Partido dos Trabalhadores e lidera todos os cenários eleitorais.

Facebook: Comente Aqui