EXPEDIENTE
Procuradoria Geral da República

Bolsonaro anuncia que reconduzirá Aras no comando da PGR

Fonte: Por Guilherme Mendes sobre Brasília

O presidente Jair Bolsonaro anunciou, nesta terça-feira (20), que encaminhou ao Senado a mensagem propondo a recondução do nome de Augusto Aras ao comando da Procuradoria-Geral da República (PGR), até setembro de 2023. Assim como em 2019, Bolsonaro ignorou a listra tríplice dos próprios procuradores, que escolheu Luiza Frischeisen para o caso.

 

No comando do Ministério Público, Aras se manteve fiel a linha de pensamento do presidente Jair Bolsonaro – apesar da alegada independência do MP para investigar o governo e, em último caso, denunciar o presidente por crime de responsabilidade.

O conteúdo deste texto foi publicado antes no Congresso em Foco Insider, serviço exclusivo de informações sobre política e economia do Congresso em Foco. Para assinar, entre em contato com comercial@congressoemfoco.com.br.

Por meio de assessoria, Augusto Aras se disse “honrado” com a recondução. “Honrado com a recondução para o cargo de procurador-geral da República, reafirmo meu compromisso de bem e fielmente cumprir a Constituição e as Leis do País”

Durante seu primeiro mandato, Aras solicitou arquivamento de investigações contra deputados bolsonaristas; pediu adiamento de investigações contra o presidente por prevaricação; acabou com a força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, e se viabilizou como um dos nomes favoritos de Bolsonaro ao Supremo Tribunal Federal (STF) – indicação que ficou com André Mendonça, seu AGU.

COMPARTILHE AGORA MESMO!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no skype
COMENTE AGORA MESMO!