EXPEDIENTE
Galo está cada vez mais perto do título

Atlético-MG sofre, mas vence o Grêmio e aumenta vantagem na liderança do Brasileirão

Fonte: Gazeta Esportiva

O Atlético-MG está cada vez mais perto do título do Campeonato Brasileiro. Em partida atrasada válida pela 19ª rodada da competição, o Galo venceu o Grêmio por 2 a 1, nesta quarta-feira, em um Mineirão lotado com 56.624 pessoas. O time de Cuca saiu na frente com Zaracho, levou o empate com Campaz, já no segundo tempo, e garantiu o triunfo com Eduardo Vargas, de pênalti.

Mesmo jogando fora de casa contra o líder do Brasileirão e estando na zona de rebaixamento, o Grêmio começou melhor no jogo e acertou a trave duas vezes com Borja, que também perdeu boa chance ao ficar cara a cara com Everson. Já o Atlético abriu o placar na primeira vez que chegou ao ataque com perigo, após boa subida de Arana, pivô de Diego Costa e chute cruzado de Zaracho.

Na segunda etapa, o Tricolor seguiu pressionando e buscou o empate com Campaz, em boa jogada trabalhada após erro de Guilherme Arana. Com o gol sofrido, o Atlético se lançou ao ataque e retomou a vantagem no placar em pênalti convertido por Eduardo Vargas e cometido pelo próprio Campaz, que tocou na bola com o braço depois de falta cobrada por Nacho Fernández.

Com o resultado, o clube mineiro fica ainda mais isolado na liderança do Campeonato Brasileiro. Com 62 pontos, o Galo tem 10 pontos de vantagem para o Palmeiras, segundo colocado, e 12 para o Flamengo, que ocupa a terceira posição. O Rubro-Negro, por outro lado, tem dois jogos a menos.

Já o Grêmio permanece na penúltima posição, com apenas 26 pontos em 28 partidas. O Bahia, primeiro clube fora da zona de rebaixamento, tem 33 pontos e somente um jogo a mais.

No sábado, o Grêmio visita o rival Internacional, às 19 horas (de Brasília), no Beira-Rio. No dia seguinte, o Atlético-MG recebe o América-MG, às 16 horas, no Mineirão. Ambos os clássicos são válidos pela 30ª rodada do Brasileirão.

O jogo – Apesar do favoritismo do Atlético-MG, o Grêmio foi quem criou as primeiras chances da partida. Com apenas 10 minutos, o time gaúcho já havia chegado três vezes com perigo ao ataque, todas com Miguel Borja.

Na primeira oportunidade, Borja recebeu grande lançamento de Villasanti, cara a cara com Everson e mandou na trave. No rebote, Douglas Costa cruzou de volta para o colombiano, que mandou para a rede. O centroavante, no entanto, estava em posição irregular.

Pouco tempo depois, novo grande lançamento, dessa vez de Lucas Silva, para Borja, que entrou livre na área e finalizou cruzado, mas para fora. Para finalizar, o camisa 9 ainda carimbou o travessão em chute colocado de longe.

As oportunidades desperdiçadas custaram caro para o Grêmio, o Atlético abriu o placar logo na primeira chance que criou. Aos 11 minutos, Guilherme Arana avançou pelo meio e encontrou Hulk, que deu um leve desvio para Diego Costa. O centroavante protegeu de Cortez e deixou com Zaracho, que dominou e finalizou cruzado, contanto ainda com um desvio na marcação para superar Gabriel Chapecó.

Depois do tento, o Galo pouco assustou. Hulk chegou a sair na cara do gol e foi parado por Gabriel Chapecó, mas estava impedido. O principal lance foi com Zaracho, que reclamou de um toque de mão de Thiago Santos dentro da área aos 21 minutos.

Já o Grêmio arriscou em chutes de longe com Lucas Silva e Campaz, mas ambos pararam em Everson. No último lance do primeiro tempo, Borja tirou tinta da trave em cabeçada para o chão após cobrança de escanteio de Douglas Costa.

Segundo tempo

Assim como no primeiro tempo, o Grêmio criou boas chances nos minutos iniciais da segunda etapa. Lucas Silva levou perigo em chute de fora da área, mas mandou por cima. Borja, por sua vez, subiu mais que a marcação adversária após cruzamento de Rafinha, mas cabeceou fraco nas mãos de Everson.

Depois de muito pressionar, o Tricolor empatou aos 10 minutos. Depois de bola roubada por Douglas Costa em erro de Arana, Campaz achou Borja, recebeu passe de primeira do colombiano dentro da área, ajeitou para o pé esquerdo e tocou na saída de Everson para deixar tudo igual.

Com o gol gremista, as equipes mudaram suas estratégias. Os visitantes diminuíram a pressão e passaram a ter menos a bola, enquanto os donos da casa se lançaram ao ataque, assustando em cabeçada de Nacho Fernández para fora e chute cruzado de Allan defendido por Gabriel Chapecó.

O tento que colocou o Atlético na frente novamente, no entanto, foi graças a um vacilo de Campaz, que foi de herói a vilão em minutos. O autor do gol gremista acertou a bola com o braço dentro da área após falta cobrada por Nacho Fernández. Depois de analisar o lance no VAR, o árbitro assinalou pênalti, que foi convertido por Eduardo Vargas aos 29 minutos.

Mais uma vez, as posturas dos times mudaram com o gol. O Atlético-MG se fechou, e o Grêmio não conseguiu levar mais perigo ao gol de Everson. Matando os contra-ataques visitantes e segurando a bola no campo de ataque quando possível, o Galo segurou o placar e ficou com a vitória.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-MG 2 X 1 GRÊMIO

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 3 de novembro de 2021, quarta-feira
Horário: Às 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (SP)
Assistentes: Alex Ang Ribeiro (SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)
VAR: Jose Claudio Rocha Filho (SP)
Público: 56.624 pessoas
Renda: R$ 1.775.474,50
Cartões amarelos: Zaracho, Tchê Tchê, Nacho Fernández, Mariano e Allan (Atlético-MG); Lucas Silva, Borja,Geromel, Douglas Costa e Rafinha (Grêmio)

GOLS:
ATLÉTICO-MG: Zaracho, aos 11 minutos do 1ºT; Eduardo Vargas, aos 29 minutos do 2ºT
GRÊMIO: Campaz, aos 10 minutos do 2ºT

ATLÉTICO-MG: Everson; Guga (Mariano), Réver, Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Tchê Tchê (Jair), Zaracho (Savariano) e Nacho Fernandez; Hulk (Eduardo Vargas) e Diego Costa (Nathan).
Técnico: Cuca.

GRÊMIO: Brenno; Rafinha, Geromel, Ruan e Bruno Cortez; Thiago Santos (Jonatha Robert), Villasanti (Campaz) e Lucas Silva (Sarará); Douglas Costa, Borja (Diego Souza)  e Ferreira (Alisson).
Técnico: Vagner Mancini.

COMPARTILHE AGORA MESMO!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no skype
COMENTE AGORA MESMO!