EXPEDIENTE
Brasileiros dominam o futebol sul-americano

Athletico-PR vence Peñarol fora de casa e abre vantagem para avançar à final da Sul-Americana

Fonte: Gazeta Esportiva

Athletico-PR conseguiu abrir uma excelente vantagem para se classificar para a final da Copa Sul-Americana.

 

Nesta quinta-feira, pela ida das semifinais, a equipe enfrentou o Peñarol e venceu por 2 a 1, fora de casa.

 

Com o resultado, o time precisa apenas de um empate na Arena da Baixada para avançar à decisão do torneio.

 

O Furacão começou com tudo e saiu na frente logo no primeiro minuto do jogo.

 

A equipe pressionou a saída do Peñarol e a bola ficou com Nikão, que fez cruzamento. Bissoli desviou de cabeça e Terans acertou uma bela bicicleta para encobrir o goleiro adversário e abrir o placar para os brasileiros.

 

No entanto, os donos da casa não sentiram o golpe, foram ao ataque e empataram aos 21.

 

Facundo Torres recebeu livre pela esquerda e cruzou para a área.

 

Richard tentou afastar, mas escorregou e a bola sobrou para Álvarez Martínez, que dominou e conseguiu mandar para as redes, igualando os marcadores.

(Foto: Raul Martinez / various sources / AFP)

Os uruguaios ganharam confiança e partiram para cima do Athletico-PR atrás da virada.

 

A equipe teve boas chances com Canobbio, Álvarez Martínez e Facundo Torres, mas o trio não aproveitou as oportunidades que construiu e o empate se manteve até o intervalo.

 

Os brasileiros voltaram para o segundo tempo buscando criar mais lances de perigo, só que os aurinegros não baixaram a guarda e seguiram tentando atacar, o que deixou o jogo bem equilibrado.

 

Aos poucos, a partida foi ficando mais quente e, aos 25, houve um princípio de confusão envolvendo Nikão, que caiu reclamando de dores na cabeça. Porém, o VAR não identificou nenhuma irregularidade e o embate foi retomado.

 

Logo após o reinício, o Athletico-PR conseguiu vazar a defesa rival mais uma vez e marcar o segundo aos 29.

 

Após cobrança de falta na área, a zaga do Peñarol afastou e a sobra ficou com Pedro Rocha, que finalizou de primeira da entrada da área e acertou o cantinho do goleiro, colocando os visitantes novamente em vantagem.

 

Atrás no placar, os uruguaios se lançaram ao ataque tentando reagir de todas as formas.

 

O time foi para cima e buscou ameaçar o goleiro paranaense nas bolas paradas, mas o Furacão conseguiu segurar a pressão adversária graças a uma grande defesa de Santos aos 49 e saiu de campo com uma bela vantagem para se classificar para a final da Sul-Americana.

FICHA TÉCNICA
PEÑAROL-URU 1 X 2 ATHLETICO-PR

Local: Campeón del Siglo, em Montevidéu (URU)
Data: 23 de setembro de 2021, quinta-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Diego Haro (PER)
Assistentes: Jonny Bossio (PER) e Michael Orue (PER)
VAR: Victor H. Carrillo (PER)
Cartões amarelos: Valentín Rodríguez, Trindade, Álvarez Martínez (Peñarol); Erick, Richard, Léo Cittadini e Nicolas (Athletico-PR)

GOLS: Álvarez Martínez, aos 21 minutos do 1ºT (Peñarol); Terans, ao 1 minuto do 1ºT, e Pedro Rocha, aos 29 do 2ºT (Athletico-PR)

PEÑAROL-URU: Dawson; Giovanni González, Carlos Rodríguez, Kagelmacher e Juan Ramos (Valentín Rodríguez); Trindade (Musto), Gargano (Gaitán) e Cepellini (Ariel Nahuelpán); Canobbio (Laquintana), Álvarez Martínez e Facundo Torres
Técnico: Mauricio Larriera

ATHLETICO-PR: Santos; Pedro Henrique, Thiago Heleno, José Ivaldo e Marcinho (Christian); Erick, Richard (Léo Cittadini) e Abner Nicolas); Nikão, Terans (Pedro Rocha) e Bissoli (Renato Kayzer)
Técnico:  Bruno Lazaroni

COMPARTILHE AGORA MESMO!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no skype
COMENTE AGORA MESMO!