Artigo: Procura-se um professor!

 

Alguém que se disponha a aprimorar os seus conhecimentos permanentemente;

Alguém que não se intimidará com condições de trabalho paupérrimas;

Alguém que compreenda que a profissão é na verdade uma nobre missão;

Alguém disposto a ouvir pacientemente opiniões conflituosas;

Alguém que mantenha a fé mesmo diante da dura realidade;

Alguém que tenha a sensibilidade de perceber o outro;

Alguém que seja naturalmente motivador;

Alguém que não permita que suas emoções falem ruidosamente;

Alguém que não se importe em agir com discrição;

Alguém que verdadeiramente se alegre com as vitórias e se comova com as derrotas alheias;

Alguém que tenha como ideal a transformação social do individuo;

Alguém que tenha a ética como algo não negociável;

Alguém que creia no fato de que o conhecimento é o único agente libertador;

Alguém que seja sensível às particularidades de cada pessoa;

Alguém que esteja acima das suas próprias opiniões;

Alguém livre de qualquer tipo de preconceito;

Alguém que tenha a sua profissão como algo maior do que um mero trabalho;

Alguém que esteja acima do pessimismo constante;

Alguém que esteja disposto a receber uma remuneração muito aquém do ideal;

Alguém que nunca canse de lutar pela melhoria da educação.

Se você possui as características acima, por favor, candidate-se! O Brasil precisa desesperadamente de verdadeiros educadores. Ao seguir a sua vocação, com certeza, milhões de crianças, jovens e adultos serão eternamente gratos. Seja um professor e desfrute de toda a alegria que a profissão proporciona. É possível deixar uma marca duradoura nos corações das pessoas a tal ponto que elas jamais se esquecerão dos ensinamentos. Ainda há vagas!

Alci Massaranduba
Bacharel em Administração de Empresas, Especialista em Gestão de Negócios, Acadêmico do
curso de Matemática, autor dos livros: Minha Vida de Carteiro e Pensamentos de um Carteiro

 

Facebook: Comente Aqui